Como viajar de graça ou quase de graça

por Flávio Mendes

Muita gente ama viajar, mas acha que precisa ser milionário para fazer isso, principalmente se tratando de viagem internacional. E é por isso que viemos aqui para acabar de vez com essa lenda. Leia esse artigo sobre como viajar de graça ou quase de graça até o final e nós garantimos que suas viagens serão muito mais baratas daqui pra frente.

Sabia que é importante fazer um Seguro Viagem para qualquer destino?

Quando falamos de fazer uma viagem, a segurança sempre deve vir em primeiro lugar. Por isso, indicamos que faça um seguro viagem para qualquer emergência. Ele é imprescindível para você viajar com tranquilidade e aproveitar as atrações, passeios, montanhas e praias do mundo afora. O nosso parceiro Seguros Promo é um comparador de seguros viagem que garante os melhores preços. Faça uma cotação, conheça excelentes seguros para a sua viagem e ainda ganhe 15% de desconto usando o código VIAJELEVE15.

QUERO UM ORÇAMENTO

Como Viajar de Graça? Isso Existe Mesmo?

Sim!! Hoje em dia, com a facilidade que a internet nos trás, ficou mais fácil planejar uma viagem, juntar todas as informações e planejar sua viagem de forma mais barata. Junto a tecnologia e o tão amado Google, é possível entrar em contato com pessoas que oferecem um espaço na sua casa, um trabalho voluntário e até uma carona. Com tudo isso fica mais fácil fazer um roteiro de viagem, economizar ou viajar de graça pelo mundo como fizemos em vários países.

Como viajar de graça: Hospedagem

Para começar as diversas formas de como viajar de graça, que tal ficar hospedado de graça por onde você passar? A maioria das pessoas acha que isso é impossível, mas o que falta é apenas informação e isso a gente adquire com o tempo. Então vamos citar tudo que pode ser feito para facilitar sua próxima viagem.

Couchsurfing

Couchsurfing-na-Bulgaria
Jantando com amigos pelo Couchsurfing na Bulgária

Você sabia que existe um site no qual você pode pedir para uma pessoa de qualquer lugar do mundo para ficar na casa dela de graça?

Vou citar apenas o principal e ele se chama Couchsurfing. Esse site funciona como uma rede social no qual você consegue hospedagem na casa de pessoas do mundo todo. O pagamento é apenas uma nova amizade, companhia e a troca de culturas e conhecimento.

Você também pode ficar aberto a receber pessoas de qualquer lugar do mundo em sua casa. No site existe uma parte onde é possível escrever e receber depoimentos dos anfitriões e hóspedes. Dessa forma é possível saber como foi a experiência dos hóspedes com o anfitrião, como é a casa, como é o local oferecido para dormir e se as outras pessoas que já estiveram por lá gostaram ou não. Isso também vale para os hóspedes, trazendo mais segurança de ambas as partes.

Utilizamos o couchsurfing pela primeira vez em Gotemburgo na Suécia, onde ficamos na casa de uma família durante o natal de 2014. Depois disso já ficamos hospedados em casas na Europa, na Ásia e até no Brasil. Recomendamos muito, pois além de você não pagar pela hospedagem, você vai fazer um novo amigo e vai conhecer o lugar que está visitando com outros olhos, junto com um local, e isso não tem preço.

Atenção meninas!! Faça uma pesquisa um pouco mais refinada e converse bastante com o anfitrião quando for viajar sozinha, pois tem perfil masculino achando que aquilo ali é site de relacionamento.

Airbnb

Existe também o Airbnb para hospedagem pelo mundo. Nele você pode alugar um quarto ou até mesmo a casa toda se estiver viajando em grupo ou pode alugar apenas o quarto numa casa. Às vezes o Airbnb fica mais barato do que um quarto privado de hotel. Além do mais, você poderá cozinhar sua própria comida, o que irá trazer uma boa economia ao seu orçamento.

Hostel

Não vamos deixar de citar a opção de hostel para viagens econômicas. Reservar uma cama em um quarto compartilhado sempre vai ser mais barato do que pegar um quarto só para você.

No hostel você vai ter a oportunidade de conhecer gente do mundo todo, ficando num ambiente mais relaxado e jovem. Se você nunca ficou num hostel na vida, experimente, porque vale a experiência. Procure as melhores opções de hostel na cidade que vai viajar pelo Booking e economize.

Acampar

Como viajar de graça
Acampamento selvagem na Albânia

Você já pensou em viajar e acampar, no lugar de gastar com hotel? Claro que acampar não é a melhor opção para uma viagem longa, mas se você vai passar um fim de semana ou alguns dias na praia ou no campo pode pensar nessa possibilidade.

Existem 2 tipos de acampamentos. O primeiro é o mais seguro e mais comum que são os espaços de camping. Nele você vai encontrar um espaço para colocar a sua barraca ou alugar a barraca do local, estacionamento, banheiros, cozinha, tomadas e até mesmo lavanderia.

O segundo tipo é o camping selvagem, onde você achar um cantinho, abrir a barraca e dormir por ali mesmo. Nós já fizemos isso numa praia meio deserta onde só tinha um pequeno restaurante e a família morava lá mesmo. Mas os mais corajosos acampam em parques, montanhas, quintais e até em casas abandonadas. Vai depender da coragem de cada um.

Como viajar de graça: Trabalho voluntário

Acredito que todo mundo já ouviu falar em trabalho voluntário e que não se espera nada em troca, mas esse tipo normalmente é feito em comunidades carentes. Contudo, hoje em dia existe o trabalho voluntário em troca de moradia e alimentação voltado para viajantes.

Worldpackers

No Worldpackers, você se inscreve para trabalhos como, recepcionista, faxineiro, barman, e outras funções voltadas para a área hoteleira. As empresas oferecem alimentação e moradia em troca de algumas horas de trabalho, porém os benefícios podem melhorar de acordo com a quantidade de horas trabalhadas.

Essa empresa é uma das mais conhecidas e utilizadas no mundo. Dessa forma, criamos uma parceria com ela, que nos ofereceu um código de desconto de 10 dólares para os leitores que criarem uma conta usando nosso link e código. Após se inscrever utilizando nosso link, adicione o código VIAJELEVE10.

Workaway

Como viajar de graça
Workaway em uma escola de Tai Chi Chuan na China

Outro site nesse mesmo estilo é o Workaway, que ao contrário do Worldpackers, você consegue se candidatar a trabalhos em diversas áreas. As vagas normalmente são oferecidas por pessoas comuns que têm um pequeno negócio ou precisam de algum tipo de ajuda em suas casas, fazendas, hotéis, etc.

Nós usamos o site do Workaway há anos e em nossas viagens, fizemos vários trabalhos em troca de hospedagem e alimentação. Tivemos a oportunidade de estar em locais que nunca imaginamos, além de conhecer pessoas e lugares que só o trabalho voluntário poderia nos proporcionar.

Esse tipo de troca é uma boa ideia para viagens de longa duração. Isso porque é possível ficar semanas ou até meses no mesmo lugar. Enquanto você está fazendo um trabalho voluntário desses, pode zerar seus gatos e nas folgas ainda conhecer a região.

Dica: Em uma viagem no padrão mochileiro, a hospedagem muitas vezes conta como 1/3 do orçamento diário, isso se você ficar hospedado em hostels com quartos compartilhados!

House Sitting

House-Sitting-na-Hungria
Fazendo House Sitting na Hungria

Essa seria uma outra opção de trabalho em troca de hospedagem. O house sitting acontece quando uma pessoa precisa viajar, mas não quer deixar a casa e seus animais de estimação sozinhos. Nesse tipo de troca, você vai cuidar dos pets diariamente e vai ficar hospedado na própria casa do anfitrião, enquanto ele viaja tranquilo. Sim, a pessoa vai deixar a casa dela e seus animaizinhos na sua mão.

Pode soar estranho, mas essa prática é bem comum nos países europeus e nos EUA, por serem países seguros. Sem contar que existe todo um cadastro no site, depoimentos e normalmente uma pequena entrevista via Skype para que ambos saibam como vão ser os dias de troca.

Nós fizemos um house sitting pelo site workaway em Budapeste na Hungria. Não preciso nem dizer o quanto foi maravilhoso cuidar de um cachorro e um gato enquanto tínhamos um pedaço da casa só pra nós, uma geladeira cheia e zero gastos.

Os sites mais famosos para essa prática são TrustedHousesitters, Nomador, HouseCarers, e o MindMyHouse. Ainda tem muitos outros sites disponíveis para fazer o cadastro.

Como Viajar de Graça com Transporte Terrestre?

Em qualquer viagem, especialmente num mochilão, você visitará muitas cidades e países e com isso vem o gasto de transporte terrestre, como trens e ônibus.

Com certeza a maneira mais barata de se deslocar seria com uma carona, porém não é sempre que isso rola. Então vamos às dicas de como viajar de graça ou quase de graça por terra.

Carona

Como-viajar-de-graça-Carona-na-Albania
Viajando de carona na Albânia, o país mais fácil para isso

Para nós, a melhor forma de viajar de graça é de carona, pois alia rapidez, conforto e economia. Também falamos isso porque comprovamos que é a melhor forma de fazer amigos na estrada e ver que existem pessoas boas ao redor do mundo.

Pegar carona não é simplesmente estender o braço com o polegar para cima no meio da cidade. Há todo um planejamento por trás ou você não conseguirá a tão desejada carona!

Para começar é importante saber se é possível pegar carona na cidade que está, o melhor ponto e como você vai chegar até lá. Para isso, sempre usamos o site Hitchwiki que tem tudo sobre carona, desde dicas básicas até a indicação dos melhores locais para pegar a carona em várias cidades do mundo.

Nós já falamos aqui no blog 6 dicas para pegar carona na China, mas elas valem para qualquer lugar que você for. Com essas dicas você já vai estar melhor preparado para suas aventuras.

Ônibus

Quem tem entre 15 e 29 anos ou as pessoas com idade igual ou superior a 60 anos podem viajar de graça de ônibus pelo Brasil. Para isso é necessário que a pessoa tenha renda de até dois salários mínimos e que esteja inscrito no CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal).

Para aproveitar esse benefício e ter mais uma forma de como viajar de graça, é necessário fazer a reserva da viagem com antecedência de até 3 horas direto nos guichês físicos das empresas de ônibus, pois são apenas duas vagas gratuitas. Depois que as vagas esgotarem ainda é possível ter 50% de desconto nas passagens.

Bla Bla Car

Existe um app e site chamado Bla Bla Car. Nele você encontra pessoas que oferecem carona em seu carro por um preço justo. Mas como isso funciona?

Vou explicar… Muitas vezes essa pessoa faz o mesmo trajeto todo dia, indo trabalhar, por exemplo, e ela gastaria gasolina e às vezes pedágio sozinha.

Sendo assim, porque não dar uma carona e cobrar um pequeno valor? No site, você põe o trajeto com local de partida e destino, olha as opções disponíveis e quantos lugares tem vago no carro. Em seguida é só entrar em contato com o motorista, acertar tudo e pagar diretamente no site. A confiança é medida através de depoimentos e informações verificadas pelo site.

Quando estávamos viajando entre a França e Luxemburgo, deixamos para comprar a passagem de trem de última hora. Na hora de comprar estava custando quase €100. Era inviável pagar isso, foi aí que usamos o Bla Bla Car pela primeira vez. Conseguimos fazer o mesmo trajeto por €15.

Como Viajar de Graça com Transporte Aéreo?

Aí que vem o que muitos acham ser a parte mais cara da viagem. Sim, pode até ser, principalmente a passagem de ida e volta, do Brasil para o exterior. Então, como viajar de graça de avião? Se liga nessas dicas!

Milhas

Seu problema pode ser resolvido com um programa de milhas. Mesmo você comprando e viajando dentro do Brasil, você pode converter essas milhas acumuladas com as cias aéreas parceiras internacionais, como é o caso da Star Alliance Group.

A Star Alliance Group engloba cias aéreas do mundo inteiro e uma vez que você tem milhas em algum programa de milhagem, de qualquer uma das cias aéreas parceiras, pode usar essas milhas para pagar a passagem aérea.

As milhas acumuladas na Star Alliance, por exemplo, podem ser usadas com a TAP Air Portugal, na Europa e vice-versa. Quando morávamos na Irlanda, viajamos para o Egito e acumulamos milhas da Turkish Airlines na mesma conta da TAP. Dentro do Egito utilizamos a EgyptAir e acumulamos para a mesma conta, pois todas fazem parte da Star Alliance.

Outro exemplo é a LATAM, onde é possível se cadastrar no programa de milhas chamado Multiplus. Nele você pode acumular milhas viajando, comprando em diversas lojas de parceiros ou até mesmo dando depoimentos pelo TripAdvisor. No site é possível acumular até 2250 milhas por mês e a partir de 5000 milhas você já consegue comprar uma passagem de 1 trecho nacional, isso já ajuda e muito.

Cias aéreas de baixo custo (low cost)

Essas cias aéreas não existem no Brasil, mas na Europa e Ásia as cias aéreas low cost, ajudam e muito na hora de fazer uma viagem. Imagina você conhecer outro país pagando apenas €9? Sim, isso é possível!

Com a cia aérea chamada Ryanair, por exemplo, é possível comprar voos a partir desse valor para diversos destinos da Europa. Quanto antes você comprar, mais barato você vai pagar. Mas para pagar esses valores é preciso ficar ligado nas promoções e nos detalhes da passagem.

Quando você compra um bilhete aéreo pela Ryanair por €9, só que se você quiser reservar o assento, despachar a mala, imprimir o bilhete aéreo e ter refeição, vai pagar o triplo por cada serviço. Por outro lado, nada disso é necessário, pois o assento pode ser escolhido aleatoriamente pela cia, a mala de mão é incluída, você pode imprimir o bilhete em casa e em viagens curtas dá pra ficar sem refeição e não pagar um centavo a mais dos €9 iniciais.

É super importante ficar atento a todas as regras das cias aéreas para não precisar pagar nada além da passagem com preço.

Aviões da FAB

Também é possível viajar de graça nos aviões da Força Aérea Brasileira. Sim, isso é possível e é um direito nosso. O único problema é que você não escolhe o dia e a hora de embarque.

Primeiro é necessário ir até uma unidade do Correio Aéreo Nacional (CAN) onde você deseja embarcar, informando o seu destino de interesse. Quando tiver vaga no voo, a FAB envia um email informando o dia e a hora, que normalmente é poucas horas antes do embarque.

Há duas coisas para ficar atento. A primeira é que o cadastro no CAN dura apenas 10 dias, ou seja, se você foi lá e se cadastrou, mas o voo que você queria não aconteceu, é necessário fazer um novo cadastro falando do seu interesse. O segundo fator é que o e-mail enviado pela FAB pode ser informando que você está na lista de espera, o que significa que você só vai embarcar se alguém desistir ou não chegar a tempo.

Como viajar de graça: Alimentação

Apam Balik
Apam Balik

Este é mais um item que vai consumir uma boa parte do seu orçamento diário, mas pode ser muito bem reduzido sem que você deixe de se alimentar bem e experimente a culinária local.

Restaurantes

A nossa primeira dica é para que você evite comer perto de pontos turísticos, pois são nesses restaurantes que os preços são mais elevados. Então busque restaurantes locais, simples e afastados do centro turístico. O preço deve cair pela metade.

Em alguns restaurantes você pode encontrar o horário do “Early Bird”, que é geralmente antes da janta, por volta das 18h00 em que o menu todo fica uns 30% mais barato.

Cozinhar

Acrescentamos mais uma vantagem do Couchsurfing, pois você poderá pedir permissão para cozinhar na casa da pessoa, o anfitrião pode te convidar para algumas refeições ou te indicar onde comer bem e barato.

Se você ficar hospedado em algum Airbnb, ter uma cozinha é uma boa. Outra opção é cozinhar no hostel que você for ficar, já que a maioria possui uma cozinha compartilhada

Mercados

Mercado na Tailandia
Mercado local em Bangkok na Tailândia

Pegue 5 minutinhos e vá até um supermercado na cidade onde estiver. Lá você vai comprar alimentos e bebidas pela metade do preço do mercadinho perto do ponto turístico. Sem falar que muitos supermercados tem comida pronta, como saladas e carnes.

Você também pode procurar por mercados municipais e feirinhas onde dá pra achar algo muito bom, com sabor e preço local. Ainda diria para optar pelos fast foods, que são muito baratos na Europa e que também podem ser uma alternativa para economizar.

Finalizando as opções de como viajar de graça e comer barato durante a viagem, você pode pedir comida quando os restaurantes estiverem fechando, mas precisa coragem. É muito comum que restaurantes e quiosques da Europa doem as comidas que sobraram no final do dia.

Lembrando que de todos os itens que citei nesse post, existem dezenas de outras opções. Portanto, só não viaja quem não quer. Para de desculpa, arrume sua mala e vá viajar, viver e ser feliz!!

Passeios de graça no Brasil e no Mundo

Já ouviu falar em Free Tour? Se ainda não, saiba que são passeios com guias profissionais que não cobram nada por isso, apenas pedem uma contribuição de quem poder ajudar. Portanto que você vai viajar na economia total e ainda quer fazer um passeio guiado, não deixe de fazer sua reserva para o seu passeio no Brasil e no Mundo inteiro.

Leia também

Inscreva-se
Notifique-me
guest
6 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Anna
Anna
4 meses atrás

Você falou dos guias profissionais, mas onde encontrar esses profissionais?

Andressa Silva
Admin
4 meses atrás
Responder para  Anna

Oi Anna, o post estava com os passeios gratuitos ao final, mas deu problema e tinha sumido. Agora coloquei novamente algumas opções no Rio de Janeiro, mas tem free tour em muitas cidades brasileiras e pelo mundo todo. É só acessar a Civitatis aqui no blog e pesquisar por free tour que você vai ver todas as opões. Outra forma de pesquisar é escolhendo o destino que deseja, e depois colocar por ordem de preços, então os free tours aparecerão primeiro, pois são gratuitos. Abraços.

Aline
Aline
7 anos atrás

Olá Flávio!
Terei um congresso acadêmico em Estocolmo, na segunda quinzena de junho/2017. Já estou pensando no roteiro para emendar em um mochilão pelo Leste Europeu e Alemanha por 15 dias. Você acha viável? Pode me dar dicas sobre a Suécia? Obrigada!

www.viajandoomundo.net
www.viajandoomundo.net
8 anos atrás

Adorei o post, bem escrito e bem explicativo. Ta de parabéns!

Estamos viajando pelo mundo desde 2015 e mostrando tudo para vocês aqui no Viaje Leve. Quer conhecer o mundo de uma forma diferente? Vem com a gente que te mostramos!

Sobre o Blog

Brasil

ViajeLeve.net © 2015 - 2024. Todos os direitos reservados.

Nós utilizamos Cookies para melhorar sua navegação pelo blog. Ok, tudo bem O que é Cookie?

6
0
Vamos conversar? Deixe seu comentário!x