Vacina da febre amarela: onde tomar e emitir o certificado

por Flávio Mendes
Vacina da febre amarela

A vacina da febre amarela é um dos itens que não podem ficar fora do seu check list de viagem. Isso porque alguns países exigem que brasileiros a tomem antes de sua viagem. Essa exigência é feita porque o Brasil é um país tropical, que fica próximo à áreas de mata.

Para evitar que a febre amarela seja carregada daqui para outros países, a vacina é exigida para que possamos ingressar nesses países. Sendo prova de que não carregamos a doença.

O que é a vacina da febre amarela

A organização Mundial da Saúde (OMS) indica que tomar a vacina é a melhor forma de se prevenir contra a doença. Evitando que ela se espalhe pelo mundo. Isso porque a febre amarela é transmitida simplesmente pela picada de um mosquito que esteja infectado.

A vacina da febre amarela, numa forma simples de entender, nada mais é do que uma composição do vírus vivo congelado (cepa 17D) e diluído em soro fisiológico. Quando tomamos de forma subcutânea, ou seja, pela injeção no braço, o nosso corpo começa a se proteger contra o vírus e assim ficamos imunes.

Onde a vacina é exigida

Dentro do Brasil as áreas de mata e rios são consideradas de risco. Segundo o Ministério da saúde, também são considerados de risco todos os estados na região Norte e Centro-oeste, um pedaço do Maranhão, Piauí e Bahia. Na região sudeste, o sudeste de Minas Gerais, norte do Espírito Santo e oeste de São Paulo. No Sul, o estado de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e a parte oeste do Paraná. 

Para quem vai viajar pro exterior, muita atenção às exigências que o país de destino faz. Em alguns países é apenas recomendado que se tenha tomado a vacina, mas em outros é exigido que tenha tomado a vacina e que comprove através do Certificado Internacional (CIVP)

 

Leia também: Qual seguro viagem contratar de acordo com o país visitado

 

Países como a Tailândia, Egito, Venezuela, Bolívia, África do Sul, Paraguai, Bahamas, China, Cingapura, Índia, Colômbia, Cuba, Jamaica, Nicarágua, Panamá e Austrália fazem exigência da vacina.

Para verificar mais países com suas exigências e recomendações de todas vacinas, consulte o site “Saúde do Viajante” na internet. Acesse o site ‘Verifique as orientações para o país de destino’ e digite o nome do país na barra de busca.

Onde e quando tomar a vacina contra febre amarela

Pelo menos 10 dias antes de viajar a pessoa deve tomar a vacina. Esses 10 dias são necessários para que haja tempo necessário de imunização. É possível tomar a vacina em qualquer posto de saúde estadual ou municipal.

Tomar a vacina em postos de saúde é de graça e não é necessário ter hora marcada, mas você deve levar seu documento de identidade para tanto. Após tomar a vacina será marcado na sua carteira nacional de vacinação.

Se você não sabe onde é o posto de saúde mais próximo da sua casa, recomendo buscar pelo site “saúde acessível”. Nele você faz a busca através do CEP e serão mostradas várias opções próximas a você.

Onde emitir o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia – CIVP

O CIVP é o certificado que comprova internacionalmente que o viajante tomou a vacina de febre amarela. Esse certificado é em inglês para que seja lido e usado em qualquer país. Ele serve para outras vacinas e profilaxias que sejam exigidas no destino que requerem a comprovação.

O Brasil, junto ao Ministério da Saúde, adotou a vacina de febre amarela como dose única para a vida inteira. Como orientado pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Quem já foi vacinado, mas ainda não tirou o certificado, deve se encaminhar a um posto da Anvisa para fazer o CIVP.

 

Leia também: Seguro viagem: tudo que você precisa saber

 

Não há necessidade de tomar uma nova vacina se você ainda tem o certificado da vacinação nacional, portanto é só seguir os passos para emitir o certificado internacional.

Neste ano, o CIVP só é emitido para quem leva a comprovação de que está indo para um país com exigência da febre. A CIVP é gratuita e feita nos Centros de Orientação para a Saúde do Viajante da Anvisa

Como emitir o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia – CIVP

Para fazer o CIVP é necessário reunir alguns documentos e fazer o cadastro no site Saúde do Viajante. Após acessar o site, clicar em Cadastrar Novo no topo da tela. Em seguida preencher o formulário com todos os seus dados. O pré-cadastro no site não é obrigatório, mas vai agilizar o atendimento na hora de fazer o certificado internacional.

Em seguida, é necessário comparecer ao local que vai fazer o CIVP porque é necessário sua assinatura. Lá você deve apresentar o documento de identidade ou passaporte ou a carteira de motorista. Mais a carteira nacional de vacinação com os dados certinhos da vacina de febre amarela tomada.

Para saber os locais onde é possível fazer a CIVP acesse o site Saúde do Viajante, click no link Centro de Orientação à Saúde do Viajante. Em seguida Consulte a lista completa dos Centros. Vai abrir um PDF mostrando todos os lugares disponíveis.


Gostou do post? Então deixa seu comentário aí embaixo!!


Contrate seu passeio aqui


Leia também

Inscreva-se
Notifique-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários

Estamos viajando pelo mundo desde 2015 e mostrando tudo para vocês aqui no Viaje Leve. Quer conhecer o mundo de uma forma diferente? Vem com a gente que te mostramos!

Sobre o Blog

Brasil

ViajeLeve.net © 2015 – 2023. Todos os direitos reservados.

Nós utilizamos Cookies para melhorar sua navegação pelo blog. Ok, tudo bem O que é Cookie?

0
Vamos conversar? Deixe seu comentário!x