Visto de estudante na Irlanda com permissão de trabalho

por Flávio Mendes

O visto de estudante na Irlanda tem sido muito procurado por pessoas que querem viver fora do Brasil. Isso porque o visto de longo período oferece ao estudante a permissão de trabalhar e se manter no país. 

Além disso, você não precisará fazer um visto antes de sair do Brasil e enfrentar toda aquela burocracia. Fazer o visto de estudante na Irlanda exige seguir um passo a passo e ficar atento a alguns detalhes que falaremos neste post. 

Sabia que o Seguro Viagem é obrigatório para viajar para Europa?

Sem ele você pode ser proibido de entrar no país e o atendimento hospitalar pode sair bem caro na Europa. Você não quer viajar e ter uma dor de cabeça, né verdade!? O nosso parceiro Seguros Promo é um comparador de seguros viagem que garante os melhores preços. Faça uma cotação e conheça excelentes seguros para a sua viagem, ganhando 15% de desconto usando o código VIAJELEVE15.

QUERO UM ORÇAMENTO

Porque escolher a Irlanda?

Atualmente existem pouquíssimos destinos que oferecem o visto de estudante com permissão de trabalho. Alguns deles são a Austrália e a Nova Zelândia, por exemplo, que assim como a Irlanda, abrem as portas para os brasileiros morarem. 

Para ir à Austrália e à Nova Zelândia, você terá que fazer o visto de estudante ainda no Brasil. O processo não é tão simples, muitas vezes precisando do serviço de um despachante consular e os custos são bem mais altos. 

Aí é que entra a Irlanda como a melhor opção quando falamos da relação custo-benefício, pois tudo é mais barato e o visto é mais fácil. Dublin, a capital Irlandesa, é um dos destinos que mais recebe estudantes interessados em aprender inglês na Europa e aplicar para o visto irlandês. 

Em resumo, a Irlanda oferece uma grande facilidade no visto, dá permissão de trabalho aos estudantes e ainda tem um dos salários mínimos mais altos da Europa. Sem falar na facilidade gigantesca de viajar e fazer aquele mochilão tão sonhado.

Conhecendo o visto de estudante para a Irlanda

Há diversos tipos de visto para a Irlanda que variam de acordo com a intenção e tempo de viagem. Contudo, se você quer ir para estudar as opções ficam reduzidas a três tipos.

Para estudar inglês na Irlanda por até 3 meses, você vai entrar no país como turista com intenção de estudo. Isso quer dizer que você vai viajar normalmente sem nenhuma documentação específica e vai ganhar um carimbo no passaporte.

A coisa começa a mudar quando você quer estudar por mais de 3 meses, pois será necessário fazer o visto de estudante na Irlanda. No entanto, se o seu curso for entre 13 e 24 semanas, não terá permissão de trabalho.

Apenas cursos de inglês de 25 semanas ou mais, é que entram no esquema do visto de estudo e trabalho da Irlanda. Sem falar que em qualquer um desses casos, você tem que fazer um curso de inglês numa das escolas que seja reconhecida pelo governo.

O visto de estudante na Irlanda é o “Long Stay D” com “Stamp 2A” sem permissão de trabalho ou o “Stamp 2” com a permissão de trabalho. O seu visto, permissões, documentos e fotos ficam num cartão de identificação chamado IRP (Irish Residency Permit).

Com o Stamp 2, o estudante faz o curso de inglês geral com preparação para exames de certificado internacional como o Cambridge ou IELTS, por exemplo. Os programas de intercâmbio mais comuns são por 8 meses, sendo 6 meses de curso e 2 meses de férias. 

Ainda tem a permissão de trabalho de até 20 horas semanais no período das aulas e até 40 horas semanais nas férias. A regra diz que o trabalho em período integral deve ser entre junho e setembro, e de 15 de dezembro a 15 de janeiro.

Antes de tirar o visto de estudante na Irlanda

Christ-Church-Irlanda
Christ Church em Dublin

Para fazer o visto de estudante na Irlanda é bem simples e o processo começa ainda no Brasil. Você vai começar buscando uma agência de Intercâmbios ou entrar em contato direto com as escolas de Dublin. 

Curso de inglês

Escolas e agências vão oferecer pacotes com o curso de 6 meses + 2 meses de férias e demais serviços e documentos. Contudo, há algumas coisas que você precisa saber para fazer o visto e viajar tranquilo.

A primeira informação é que você precisa de uma escola que seja reconhecida pelo governo irlandês. Essa escola deve estar na lista do ILEP e atender a uma série de requisitos que eles pedem. 

Depois disso, você deve ficar atento ao tempo de aulas. Nesses 6 meses ou 25 semanas de curso, as aulas precisam ter a carga horária de 15 horas semanais. Além disso, como falamos anteriormente, os cursos normalmente são de inglês com preparação para exames de certificado internacional.

Não esqueça que a escola deve oferecer o esquema de proteção ao aluno e oferecer um certificado. Esse documento vai ser pedido junto com sua carta de matrícula, recibo e demais documentos.

Seguro médico e seguro viagem

O seguro saúde, chamado de seguro “governamental” ou “obrigatório” que cobre apenas a Irlanda e atende a exigência da imigração. Este seguro tem uma cobertura de €30.000,00, mas não é muito bom, pois você vai para hospitais públicos e ainda assim tem que pagar por isso. 

Ele normalmente é oferecido por empresas privadas irlandesas que estão ligadas às escolas e as agências de intercâmbio. No entanto, ainda recomendamos que você tenha mais um seguro viagem que te dê cobertura de boa qualidade em toda Europa.

Nós já falamos sobre o seguro viagem para a Europa num post exclusivo que indico a leitura. Além disso, recomendamos que faça uma cotação com a Seguros Promo, nossa parceira no blog que faz uma comparação entre as melhores seguradoras do país.

Hospedagem na Irlanda

Outra coisa que você deve ter em mente é que será necessário ter um lugar para ficar assim que chegar por mais ou menos 1 mês. As escolas e agências normalmente oferecem acomodação estudantil que nada mais é do que um hostel ou casa compartilhada só para estudantes. 

Se você quiser ficar num lugar mais confortável até ter seu visto em mãos, recomendamos reservar num hotel ou apartamento em Dublin. Inclusive já falamos aqui no blog sobre os bairros de Dublin que são mais centrais e damos dicas de acomodação.

Transfer na chegada

Ainda tem o serviço de transfer na chegada que é o serviço prestado por um motorista que te pega no aeroporto e deixa na acomodação que está reservada. Dessa forma, você vai ter conforto e não se arrisca com táxi pela cidade.

Essa opção de serviço é bem relativa, mas é sempre bom chegar com segurança num país que você não conhece. Além disso, a língua pode ser uma barreira, pois você ainda não estará acostumado com o sotaque nada fácil do irlandês.

Por fim, você vai perceber que os pacotes de intercâmbio vem recheados de serviços e as propostas são bem variadas. Se concentre no que realmente importa que é a qualidade da escola, do curso e na documentação necessária.

Como fazer o visto de estudante na Irlanda

Como-tirar-o-IRP
Site do Departamento de Imigração para fazer o agendamento do IRP em Dublin

Depois de conversar com agências e escolas, recolha a melhor instituição e se prepare para receber alguns documentos. Em seguida, será  hora de se preparar para viajar e seguir o passo a passo para obter o visto de estudante irlandês.

Na imigração do aeroporto, você vai apresentar documentos como passaporte, carta da escola e seguro saúde, por exemplo. Você vai ganhar um carimbo no passaporte com a permissão temporária de estadia para fazer o visto, que vai ser de 1 mês.

1 – Agendar entrevista para o visto

Antes mesmo de sair do Brasil, você deve agendar a sua entrevista para tirar o IRP no site da Imigração. Isso só é válido para quem vai morar em Dublin, já que o agendamento foi feito para evitar filas. 

Se você for morar em outras cidades, como Cork, por exemplo, não precisa agendar neste site. Ao chegar lá, você vai ter que ir ao Departamento de Imigração, pegar uma senha e aplicar direto.

Veja aqui no blog o passo a passo e informações detalhadas de como tirar o IRP na Irlanda e fazer seu documento sem erro.

2 – Alugar uma casa ou apartamento

Lembra que anteriormente falamos que você vai precisar de uma acomodação inicial?! Pois bem, ao chegar na Irlanda, você vai procurar uma acomodação fixa, ou seja, uma casa ou apartamento para morar definitivamente. 

Aproveite esse tempo que vai ficar na hospedagem que tem reservada para procurar um lugar fixo. Isso porque o aluguel mensal e as contas vão ficar mais baratas do que um hotel ou acomodação estudantil e você vai precisar de um endereço residencial para receber o seu IRP.

Quando fomos morar em Dublin, pesquisamos muito pelo site daft.ie que é super conhecido. Mas acabamos fechando com outros estudantes que anunciam em grupos no Facebook. 

Além disso, na sua escola provavelmente vai ter um quadro de anúncios onde outros estudantes estão passando suas vagas em quartos e estúdios.

3 – Ter um comprovante financeiro

Se você ainda não sabe, para fazer o visto de estudante na Irlanda ou em qualquer outro país, é necessário comprovar que tem fundos para se sustentar. Apesar dos países darem a permissão para trabalhar, o governo quer que você mostre que pode se manter até conseguir um emprego. 

Portanto, nos seus primeiros dias na Irlanda, você já tem que providenciar um comprovante mostrando que tem suporte financeiro. O governo exige que comprove € 3000, se você ficar por mais de 6 meses ou € 500 por mês de estadia se ficar menos tempo.

Você deve levar mais € 800 ou € 1000 extras para os primeiros gastos, pois o valor da comprovação deve ficar parado na conta até você ter o IRP em mãos. 

Para fazer a comprovação financeira, você tem algumas opções: 

Banco irlandês: Se você escolher esta opção, você deve abrir uma conta em algum banco da Irlanda e apresentar um extrato original em seu nome e que mostre o saldo com o valor exigido. 

Banco estrangeiro: Com esta opção você deverá apresentar 2 extratos bancários originais do seu banco estrangeiro numa conta em seu nome. O primeiro extrato deve ter menos de 1 mês e o segundo menos de 6 meses, mostrando o saldo equivalente ao valor exigido em euros. Você também deve mostrar um cartão de débito internacional para saque na Irlanda, da mesma conta e do mesmo banco.

Cartão pré-pago: Você deve comprovar com o cartão pré-pago e o extrato mostrando que tem o valor exigido em euros. Este extrato tem que ser bem recente e original. 

4 – Pedir a IRP Letter na escola

É necessário que nos seus primeiros dias na escola você faça o pedido da sua carta de apoio ao visto de estudante para a Irlanda que é a IRP Letter. Este quarto passo não é necessário que faça depois que tiver os outros prontos, pois cada escola precisa de um tempo para fazer a carta. 

Aproveite esse tempo e solicite na sua escola o seu seguro “governamental” e a carta de matrícula originais, se por acaso ainda não tiver com ele em mãos. Tente fazer todos os passos em paralelo, exceto o primeiro que deve ser feito ainda no Brasil. 

5 – Separar os documentos e ir a entrevista

Feito todo esse processo, é hora de ir ao Departamento de imigração no horário que você marcou no passo 1. Se você for estudar em outra cidade, não vai agendar como já falamos anteriormente, por isso separe seus documentos e vá em qualquer dia, assim que puder.

Em Dublin, o endereço é 13/14 Burgh Quay, Dublin 2. O acesso é super fácil pois fica localizado na região central de Dublin de frente ao rio. Recomendamos que chegue com 10 minutos de antecedência para tentar ser atendido na hora marcada, mas ninguém garante que será.

Lá vão conferir seus documentos e será necessário pagar a taxa de €300 em débito no seu cartão do banco ou pré-pago. Após o pagamento, o estudante é chamado para registrar as impressões digitais e tirar fotos. 

Ainda ressaltamos que o visto de estudante para a Irlanda terá a validade de 8 meses ou pelo período do seu curso se for menor que 6 meses. Esse visto poderá ser renovado ao final da validade por mais duas vezes apenas.

Passeios na Irlanda

Com todas as informações e detalhes de como fazer o visto de estudante na Irlanda, você já pode começar a programar a sua viagem. Além disso, é hora de programar alguns passeios pelo país para aproveitar os dias por lá, por isso deixamos as dicas abaixo.

Leia também

Inscreva-se
Notifique-me
guest
5 Comentários
Mais velhos
Mais novos Mais votados
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Antonele
Antonele
7 anos atrás

Flávio, em qual escola você estudou? O que achou?

Bruna
Bruna
7 anos atrás

Quanto tempo em média leva esse processo?

isabella saibert
isabella saibert
7 anos atrás

Oii. Como você conseguiu entrar em contato com a escola ?

Estamos viajando pelo mundo desde 2015 e mostrando tudo para vocês aqui no Viaje Leve. Quer conhecer o mundo de uma forma diferente? Vem com a gente que te mostramos!

Sobre o Blog

Brasil

ViajeLeve.net © 2015 – 2023. Todos os direitos reservados.

Nós utilizamos Cookies para melhorar sua navegação pelo blog. Ok, tudo bem O que é Cookie?

5
0
Vamos conversar? Deixe seu comentário!x