Museu do Café: Visitando a antiga Bolsa do Café de Santos

por Flávio Mendes

O Museu do Café em Santos conta a história de uma das bolsas do café mais importantes do Brasil. Era na bolsa do café onde aconteciam os pregões de café na cidade. Em outras palavras, era onde o valor das sacas de café eram determinados assim que chegavam em trens na Praça de Santos.

Dessa forma, para entrar na Bolsa do Café era preciso ser um corretor autorizado. Até o ano de 1917 tudo acontecia em uma pequena repartição que ficava bem próxima de onde está o atual Museu do Café.

Em 1922, com o aumento das negociações, eles viram a importância de ter um lugar próprio. Assim, um novo prédio foi construído para abrigar a Bolsa do Café em Santos. Se você procura algo diferente para fazer em Santos, deve conhecer o Museu do Café.

Sabia que é importante fazer um Seguro Viagem Nacional?

Quando falamos de fazer uma viagem, mesmo que pelo Brasil, a segurança sempre deve vir em primeiro lugar. Por isso, indicamos que faça um seguro viagem nacional para não depender do SUS numa emergência. Ele é imprescindível para você viajar com tranquilidade e aproveitar as atrações, passeios, montanhas e praias do nosso país. O nosso parceiro Seguros Promo é um comparador de seguro viagem que garante os melhores preços. Faça uma cotação, conheça excelentes seguros para a sua viagem e ainda ganhe 15% de desconto usando o código VIAJELEVE15.

QUERO UM ORÇAMENTO

A história da Bolsa do Café de Santos

Museu-do-Cafe

São 2 as hipóteses para a criação do novo prédio da Bolsa do Café. Primeiramente é que a elite paulista cafeeira tentava se firmar como nação, já que outros estados como Rio de Janeiro, Bahia e Minas Gerais já faziam isso.

Com a produção do café em São Paulo, a burguesia se viu diante do desafio de ter uma bolsa do café. Afinal, queriam manter sua imagem. A segunda das hipóteses foi por causa das comemorações do centenário de independência do Brasil que aconteceria em 1922.

Enfim, Junto com as grandes obras que fariam parte do evento, Santos resolveu construir o Palácio da Bolsa do Café. Como resultado, a porta de saída para a riqueza do estado de São Paulo.

Leia também: Onde ficar em Santos – Melhores bairros

O Museu do Café

Bolsa-do-Cafe-de-Santos

Desde 1960 a Bolsa do Café não está mais em atividade. Em 1986 o governador do estado de São Paulo decretou que a Bolsa do Café de Santos fecharia. Como resultado de apenas uma parte do edifício funcionando e a degradação causada pelos anos, o prédio da bolsa entrava em estado de emergência com risco de desmoronamento.

Foi então que em 1996 o governador do estado reuniu órgãos públicos e privados para a criação de um projeto do Museu do Café. Um ano depois, em 1997, as obras começaram com intuito, acima de tudo, de salvar o prédio.

Em 2009, o edifício onde fica o Museu do Café foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Logo, antes de se tornar patrimônio histórico e artístico nacional, o palácio já era tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural de Santos (Condepasa) e o Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat), em esfera estadual.

Como é a visita ao Museu do Café

Vitral-Bolsa-do-Cafe-de-Santos
Vitral de Benedito Calixto

A visita ao Museu do Café começa pela sala do pregão, onde os valores das sacas de café obtinham valor. O que chama mais atenção nessa sala é o vitral que fica no teto, feito por Benedito Calixto.

A visita continua com uma exposição que mostra o café desde o seu plantio até o momento da chegada à mesa do consumidor. Simultaneamente é possível ver a evolução do modo de preparar um bom café, desde os bules antigos até as máquinas de café altamente modernas que existem hoje no mercado.

Salao-Bolsa-do-Cafe
Salão do pregão

A história do café, contada em tvs e painéis no decorrer do Museu do Café, mostra a trajetória pelo Brasil e assim como pelo mundo. Ainda é possível visitar uma área mais didática no andar superior, tirar fotos e apreciar a arquitetura do edifício.

O Museu do Café recebe anualmente mais de 350 mil visitantes. Aproveite para juntar a visita ao museu a outros pontos turísticos do Centro Histórico de Santos em uma mesma viagem. Dá para fazer tudo a pé facilmente.

Exposições, cursos e visitas guiadas no Museu do Café

Museu-do-Cafe-Santos

Além das visitas, é possível ver as exposições de longa duração e temporárias que ocorrem no Museu do Café. Para quem deseja trabalhar na área, são oferecidos cursos como de formação de baristas, curso de torra e alguns cursos gratuitos.

Mas para quem não quer fazer um curso, mas aprender um pouco mais sobre café, definitivamente vale a pena fazer um tour de degustação. Porém, no momento esse tour não está acontecendo devido o Covid-19. No entanto, dá para fazer um tour guiado que passa pelo Museu do Café, além de outros pontos turísticos de Santos.

A cafeteria do Museu

Cafateria-Bolsa-do-Cafe-Santos

É uma das melhores cafeterias de Santos com opções para todos os gostos. É possível apreciar cafés elaborados de formas diferentes e também comer um doce ou salgado.

Para quem preferir, dá para comprar os grãos que são moídos na hora. São diversos tipos vindos de estados como Minas Gerais, Paraná, Espírito Santo e Bahia. Também estão à venda cafeteiras, xícaras e enfeites domésticos para enfeitar e trazer mais sabor ao seu café.

Museu do Café de Santos: Informações adicionais

Endereço: Rua XV de Novembro, 95 – Centro Histórico de Santos

Horários: O Museu do Café abre de terça a domingo das 13h às 17h. Já a Cafeteria abre de terça a domingo das 12h às 18h.

Preços: Os ingressos custam R$ 10, estudantes e idosos pagam meia e aos sábados a entrada é gratuita. Funcionários da rede pública do estado de São Paulo e policiais da SSP do estado não pagam para entrar.

Quer saber mais sobre Santos? Assista nosso vídeo!

Durante nossos dias em Santos, gravamos muita coisa legal para nosso canal do Youtube. Assistindo a esse vídeo você poderá ver mais sobre a cidade e como foi nossa visita. Aproveite e se inscreva em nosso canal, pois postamos vídeo toda semana. Além disso, você receberá uma notificação sempre que a gente postar um vídeo novo e pode ser um dos primeiros a saber das novidades!

Seguro viagem nacional

Quando falamos em fazer uma viagem, a segurança deve vir sempre em primeiro lugar! Por isso, queremos deixar algumas dicas sobre seguro viagem nacional, pois ele é imprescindível para você sair de casa com tranquilidade e aproveitar cada atração e passeio da cidade.

Um seguro viagem nacional te dará cobertura para atendimentos em qualquer tipo de emergência, além de outros imprevistos que possam acontecer durante sua viagem como extravio de malas e atraso no voo. 

Caso seu plano de saúde não tenha abrangência em São Paulo, é mais do que recomendado que se faça um seguro viagem para garantir a tranquilidade em todos os momentos.

Com um seguro viagem você não vai se preocupar com nada, pois terá cobertura para qualquer emergência e ele não vai custar nem 5% do orçamento da sua viagem. Sem falar que você não vai querer ficar na fila do SUS durante as férias, né verdade?!  

Clique no botão abaixo, faça um orçamento sem compromisso e veja como é fácil viajar seguro!

Contrate seu passeio em Santos

Leia também

Inscreva-se
Notifique-me
guest
2 Comentários
Mais velhos
Mais novos Mais votados
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Juliana
Juliana
2 anos atrás

Hoje conheci o museu do café e seu texto foi bem completo, bem resumido, bem explicado. 😊

Estamos viajando pelo mundo desde 2015 e mostrando tudo para vocês aqui no Viaje Leve. Quer conhecer o mundo de uma forma diferente? Vem com a gente que te mostramos!

Sobre o Blog

Brasil

ViajeLeve.net © 2015 - 2024. Todos os direitos reservados.

Nós utilizamos Cookies para melhorar sua navegação pelo blog. Ok, tudo bem O que é Cookie?

2
0
Vamos conversar? Deixe seu comentário!x