Por que viajar não é coisa de rico?

por Flávio Mendes
Cebu - Filipinas

Quem me dera viu” ou “Nossa, você é sortudo, queria eu poder fazer isso“. Essas são as frases que mais escuto quando digo que estou indo viajar novamente. Para muitos, viajar é coisa que só as pessoas ricas podem fazer e não sei dizer de onde essa ideia foi tirada. Acho que o povo tá tão acostumado com aquela vasta ideia de que dinheiro bem gasto é dinheiro investido em um bem material, que se esquece que viajar pode enriquecer muito mais sua vida do que comprar um iphone.

Mas nossa, você viaja toda hora, o que você faz da vida, deve ser rico né? Não, não sou, só gasto meu dinheiro de forma certa, abrindo mão de diversas coisas e tendo prioridades. Minha principal prioridade é viajar, apenas isso e, para fazer isso, é preciso abrir mão de outras coisas. Ultimamente tenho preferido ficar em casa, focando no meu trabalho, do que fazer os meus roles de sempre. Pelo menos na minha cidade tá tudo muito caro e o desânimo vem junto com esses valores sem noção das coisas.

Por que viajar não é coisa de rico

Quer viajar? Planeje-se, esse é o segredo. Posso dizer que o maior fator para você conseguir viajar mais é se planejando. E se planejando não é só pegar e montar um roteiro com tudo que você vai fazer durante sua viagem com valores e pronto. O planejamento começa muito antes, com seis meses de antecedência ou mais (para os mais ansiosos).

[caption id="attachment_2598" align="aligncenter" width="820"]Quarto de Chiang Mai
Quarto por menos de R$ 10 em Chiang Mai
[/caption]

Planejar uma viagem significa abrir mão de outros gastos e coisas, a não ser que você tenha dinheiro de sobra, o que não é o caso e nem o que estou dando ênfase por aqui. Por que a sociedade não acha caro comprar um carro e pagar em milhões de prestações? Ou ainda comprar o último modelo do celular do momento? Porque como disse anteriormente, a maioria acha que dinheiro bem gasto, é dinheiro gasto com bens materiais e isso vem bem do passado.

A economia está em tudo, em nosso dia a dia e no modo de vida que vivemos. Tem quem prefira sair todo final de semana, ir pra aquela balada famosa de sua cidade e torrar toda sua grana nisso. Ou comprar roupas novas com frequência, ter o carro do ano ou celular do momento. Não tenho nada contra isso, cada um gasta o dinheiro do jeito que quer, só que pra mim isso sim é ser rico.

Então, como planejar uma viagem?

Pode ter certeza que uma viagem bem planejada e estudada, pode custar muito menos do que uma vida vivida da forma que citei anteriormente. Viajar se tornou muito barato e a internet nos ajuda em praticamente tudo. Hoje em dia é possível se hospedar de graça pelo mundo, pegar carona, trabalhar em troca de hospedagem e acho que só não viaja quem não quer. Você pode até dizer: ah, mas eu não tenho esse espirito nômade de sair me jogando no mundo, de dormir na casa dos outros e pegar carona com um desconhecido.

[caption id="attachment_2597" align="aligncenter" width="1098"]
Pad Thai
Pad Thai por R$ 3 em bangkok
[/caption]

Eu também não tinha e não estou influenciando você a fazer isso, mas existem diversas alternativas para os menos aventureiros. Hostels e pousadas baratas estão presentes em todos os lugares, restaurantes baratos também. Já falei sobre como viajar por diversos lugares gastando o mínimo e até tenho um e-book, grátis para download, onde dou algumas dicas. O segredo de tudo está em planejar tudo por conta própria.

Faça um teste você mesmo e veja o resultado. Pegue um ou dois meses e corte tudo que você acha que não será necessário em sua vida. Comprar coisas que você acha que não vai usar, comer na rua com frequência, ir pra balada todo final de semana. Veja que com pequenas atitudes você conseguirá dinheiro suficiente para fazer uma viagem.

Minhas viagens no “estilo magnata”

Viajar não significa ficar em hotéis de luxo, ter motorista particular ou fechar sua viagem com agências. Viajar também inclui passar por alguns perrengues para chegar naquela ilha paradisíaca ou economizar na hospedagem para adicionar alguns dias a mais no final do roteiro. Em meu mochilão pela Ásia, pagava menos de R$ 10 nas hospedagens. Nenhuma tinha chuveiro quente, algumas a descarga era na base do balde e cheguei a acordar com baratas ao meu lado comendo o resto do meu lanche da noite passada.

Tá, algumas hospedagens foram burrice minha, pois pagando pouca coisa a mais eu conseguiria um hotelzinho melhor. Dormir no aeroporto para economizar uma noite de hotel ou porque seu voo é de madrugada – o horário mais barato para voar – quem nunca? Usar quatro tipos de meios de transporte em um único dia para conseguir chegar da cidade A até a cidade B. Sim, nas Filipinas teve dia em que peguei um avião, um taxi, um triciclo e ônibus. Em outros tinha até barco no meio do rolo, um teco teco de madeira para atravessar de uma ilha para outra. 

[caption id="attachment_2596" align="aligncenter" width="820"]Hanoi
Esperando o voo de madrugada no aeroporto de Hanoi no Vietnam
[/caption]

Para ir de El Nido até Coron Island nas Filipinas, peguei um barco de madeira a motor, em uma travessia de 8 horas pelo oceano, tudo isso para economizar no voo. Na mesma El Nido, aluguei um caiaque por um dia e atravessei 9km de mar só pra não ter que pagar pelo tour, que não era nada absurdo de caro, mas para ter um tempo só pra mim. Ou também o dia que sai do aeroporto de Manila, capital das Filipinas, e olhando o GPS, o hotel parecia próximo, uns 3km e resolvi ir a pé.

Fui parar no meio de uma feira, que já emendou com um camelódromo e resolvi ter a brilhante ideia de pegar o metro em horário de pico. Para ter uma ideia, tinha que passar pelo detector de metais antes de entrar. Entrou tanta gente no metro que tive que descer no momento que deu,  senão eu perderia o ponto. Fiz o restante do caminho a pé. Eu confesso que em algumas das vezes fiz algumas cagadas e foram economias porcas, mas em muitas outras isso refletiu bastante no orçamento da viagem.

[caption id="attachment_2599" align="aligncenter" width="820"]Tuk Tuk em Chiang Mai
Tuk Tuk em Chiang Mai
[/caption]

Nem tudo são mil maravilhas durante a viagem. Só mostramos em nossas fotos o que nos convém e não os perrengues que passamos. Acho que os momentos ruins de viagens estão aí para nos animar ainda mais. Na hora pode parecer horrível, mas depois quando você para pra pensar, você dá risada.

“Não acho que precisa ser rico para viajar. Mas, com certeza, viajar te tornará mais rico, rico em experiências boas e coisas que dinheiro jamais conseguirá comprar”

Gostou do post? Então deixa seu comentário aí embaixo!!


Planeje sua viagem

[su_note note_color="a8cc9d" radius="0"]   Não viaje sem um seguro viagem. Faça uma cotação com a SEGUROS PROMO e consiga a melhor cotação entre as melhores seguradoras do país. Você ainda pode pagar em até 6x sem juros. Além de não pagar nada a mais por isso, você ainda ajuda o blog com uma pequena comissão. Por sermos parceiros da SEGUROS PROMO, ganhamos um desconto de 5% que é oferecido para nossos leitores.  Utilize o cupom: VIAJELEVE5 para ganhar o desconto.[/su_note] [su_note note_color="a8cc9d" radius="0"]   Reserve seu hotel com antecedência e garanta os melhores preços. Além disso o BOOKING cobre todas as ofertas disponíveis na internet. O BOOKING é o maior site de reservas de hotéis do mundo. Nele você poderá reservar seu hotel com cancelamento grátis e pagar só quando chegar no hotel. Ganhamos uma comissão quando você reserva seu hotel através de nossos links, mas você não paga nada a mais por isso. Clientes fiéis garantem vaga no grupo Genius, o que dá um desconto de 10% na reserva de qualquer hotel.[/su_note]

Leia também

Inscreva-se
Notifique-me
guest
5 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Renata Marques
Renata Marques
6 anos atrás

Bem verdade, Flavio! Claro que inúmeras pessoas preferem gastar com carro, roupas e baladas, mas cada um sabe o que é melhor pra si, né? Eu, marido e filha passamos cerca de um ano economizando e agora estamos na estrada por um ano. Todo mundo acha que somos ricos. De fato, uma viagem para 3 não sai necessariamente barata, sei que tem muita gente que não teria condições de viver o que vivemos, mas o que é triste é ver pessoas que trabalharam nos mesmos empregos que nós, que tinham os mesmos salários e ainda assim se sentem infelizes por… Read more »

Viviane
7 anos atrás

Acabei de escrever um post sobre isso!
https://deboapelomundo.wordpress.com/2016/10/23/sobre-viver-e-viajar-por-viviane/
Parabéns pelo site!!!

Felipe Silva
Felipe Silva
7 anos atrás

Ótimo post Flávio!

Estamos viajando pelo mundo desde 2015 e mostrando tudo para vocês aqui no Viaje Leve. Quer conhecer o mundo de uma forma diferente? Vem com a gente que te mostramos!

Sobre o Blog

Brasil

ViajeLeve.net © 2015 - 2024. Todos os direitos reservados.

Nós utilizamos Cookies para melhorar sua navegação pelo blog. Ok, tudo bem O que é Cookie?

5
0
Vamos conversar? Deixe seu comentário!x